Fórmula 1

  • Crédito: Aston Martin Red Bull Racing

    Max Verstappen custou 750 mil euros para a Red Bull e hoje é o mais cotado para ser campeão.

Red Bull desconfiava de Verstappen e investiu pouco

Dinheiro para desenvolvimento de holandês e chegada na F1 não alcançou 1 milhão de euros
Por: Redação - 15/08/2019 08:29:20

O holandês Max Verstappen foi o piloto mais barato para a Red Bull. Seu desenvolvimento e sua chegada na Fórmula 1 custaram 750 mil euros para a escuderia, que tem o melhor projeto de investimento em jovens talentos: o Red Bull Júnior. 

Desde 2001, quando implantou o projeto, a Red Bull já investiu 190,150 milhões de euros em 82 pilotos. Sebastian Vettel, que rendeu quatro títulos da F1 para a escuderia, precisou de um desembolso de 4,8 milhões de euros, mas deu retorno. 

Já o mais caro investimento foi em Carlos Sainz, com 9,350 milhões de euros, e que hoje está na McLaren. Alex Albon e Pierre Gasly, que recentemente foram trocados de postos - um vai para a Red Bull e outro para a Toro Rosso -, custaram mais de 8 milhões de euros para a Red Bull, cada um.

Daniel Ricciardo, atualmente na Renault, careceu de um investimento de 5,9 milhões de euros até chegar na Fórmula 1. O australiano era a grande aposta da Red Bull para alcançar um novo título mundial, até que Max Verstappen surgiu. O holandês era tido como um azarão pela escuderia, mas hoje é o mais cotado para ganhar títulos na F1, a partir de 2020.

Foto ampliada pré-carregada

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade