Fórmula 1

  • Crédito: Getty Images

    Para Max o mais importante é ter um carro veloz para dirigir

Verstappen não descarta parceria com Leclerc

"Acho que podemos trabalhar bem juntos", disse o holandês
Por: Murilo - 10/09/2019 08:00:00

O holandês Max Verstappen não descarta ser companheiro de equipe do francês Charles Leclerc. Porém, sincero como sempre, o piloto holandês entende que se isso acontecesse poderia haver tensão.

“Acho que podemos trabalhar bem juntos”, disse em entrevista ao jornal italiano La Gazzetta dello Sport. “Não descarto que colidiríamos, mas não acabaríamos como Nico Rosberg e Lewis Hamilton. É claro que é uma situação mais difícil do que uma equipe em que um piloto é muito mais rápido, mas não é impossível”, completou.

Para Verstappen, o mais importante é que ele tenha um carro veloz para dirigir, não importando a equipe ou com quem dividirá os boxes.

“A Ferrari é um mito na Itália porque é como falar de um Deus. É bom ver que a paixão por um time e a história do time são, é claro, lindas, mas quero especialmente pilotar o carro mais rápido. E se ele está nas cores vermelho, cinza ou azul, isso não faz diferença para mim”, disse o piloto da Red Bull.

Max ainda afirmou estar feliz por Leclerc ter conseguido a vitória em Monza, mesmo com a concorrência acirrada entre os dois pilotos. “É bom para ele, mas faz sentido para pilotos mais jovens conquistarem vitórias em algum momento”, concluiu o holandês.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade