Fórmula 1

  • Crédito: Tom Gandolfini/AFP

    Fernando Alonso: MotoGP e WEC estão nos ultrapassando pela direita.

Para Alonso, F1 muda ou acaba

Piloto mais experiente do grid faz duras críticas ao momento atual da categoria
Por: Redação, com Agência AFP - 30/11/2015 10:42:19

No domingo, após o GP de Abu Dhabi, ao saber que havia sido considerado culpado pela colisão contra Pastor Maldonado, logo na largada da corrida, o piloto Fernando Alonso decidiu abrir o verbo e fez duras críticas ao momento da Fórmula 1. Para ele, o modelo atual está acabando com a categoria. “Nós olhamos as arquibancadas nos autódromos e vemos metade delas vazias. E isso são em todos os circuitos. Sinal de que algo precisa mudar”, disse.

Alonso afirmou ainda que existem outras categorias que estão ultrapassando a Fórmula 1 pela direita, em termos de atrativos para o público. “Enquanto nos preocupamos em fazer carros cada vez mais caros, outras modalidades nos ultrapassam pela direita em interesse do público. Entre elas, estão a MotoGP e o WEC (World Endurance). Acho que a F1 precisa de um senso comum”, avaliou.

O piloto criticou também o regulamento da categoria, que por qualquer incidente de competição pune os pilotos. “Não faz sentido algumas regras. Assistir corridas de F1 já não é mais divertido. Nem o som tradicional dos carros existe mais. Precisamos de olhar para muitas coisas. As penalidades não podem ser banalizadas. Elas precisam ser por razões justas”, atacou o piloto mais experiente do atual grid da F1.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *