Fórmula 1

  • Crédito: Sky Sport

    Zak Brown: sonho é reeditar uma dupla igual Ayrton Senna e Alain Prost.

McLaren abre portas a Hamilton

Novo todo-poderoso da equipe, Zak Brown, admite que pensa no piloto para 2019 ou 2020
Por: Redação - 28/11/2016 17:41:43
172 visualizações

O novo CEO da McLaren, Zak Brown, admitiu que um de seu projetos é trazer Lewis Hamilton de volta para a escuderia. O piloto foi campeão em 2008 e competiu até 2012 na equipe. Em 2013 foi para a Mercedes-Benz, com quem tem contrato até o final de 2018.

Em entrevista ao Sky F1, Brown foi taxativo: "Não se pode descartar qualquer coisa para 2019 ou 2020 envolvendo Lewis Hamilton. Vamos ver o que os nossos pilotos atuais vão fazer até lá." Antes, porém, o novo dirigente afirma que a prioridade é tornar a McLaren competitiva.

Para 2017, após a aposentadoria de Jenson Button, a equipe vai competir com Stoffel Vandoorne e Fernando Alonso. Com os dois, Zak Brown já definiu a meta: "Temos de voltar a vencer em breve."

Aos 45 anos, o novo dirigente da escuderia disse que sonha em devolver à McLaren o peso que a equipe tinha nos tempos de Senna e Prost. “Cresci idolatrando a McLaren-Honda, Senna e Prost. Voltar a ter dois campeões do mundo competindo na escuderia seria o ideal”, afirmou, numa referência a Fernando Alonso e Lewis Hamilton, que já foram companheiros na própria McLaren.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade